domingo, 4 de junho de 2017

Se eu fosse boa nisso



Se eu fosse boa nisso



A dor
um dia me acordou   

sussurrou no meu ouvido
um teorema


Jamais consegui decifrar.


E ela
[ofendida]

ficou



Eliana Mora, 16/05/2017

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aqui, quem agradece tua mensagem é a Poesia.

Uma vez mais, grata Aquela mão prateada entrou ali na minha lembrança a dedilhar o violino como se nada mais tivesse a fazer neste mund...