quinta-feira, 5 de maio de 2016

Quarto Crescente



Quarto crescente


Se não doesse ouvir a voz
desta canção
a luz da lua já estaria nos meus lábios
portadora de paixão que a esconde
quando eles ousam– porventura - fraquejar. 
Uma história de amor 
como há poucas [como a tua?]
que vive há séculos 
oculta 
numa lua.



Eliana Mora, 28/12/2010

[Baú]

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aqui, quem agradece tua mensagem é a Poesia.

Em pensamento

E m pensamento adivinhei fotografei até sonhei fagulhas escrevi muito poema andei por estradas nuas ...