sábado, 3 de novembro de 2012

M i n a

  
 

M i n a

 
de explosivos
de água
de pedra

pode ainda ser de ouro
ou só nome de mulher

pode ser suor de gente
ou lágrima que desce
na dança

de um olhar

 


Eliana Mora, out/2012

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aqui, quem agradece tua mensagem é a Poesia.

Uma vez mais, grata Aquela mão prateada entrou ali na minha lembrança a dedilhar o violino como se nada mais tivesse a fazer neste mund...